Notícias

22.09.2014

 

MPE/AL promove V Encontro Nacional de Memoriais do Ministério Público

 

POR RAFAEL CAVALCANTI BARRETO

 

No período de 24 a 26 de setembro,  Maceió  será

sede do V Encontro Nacional  de   Memoriais   do

Ministério Público. O Ministério Público do Estado de

Alagoas (MPE/AL) está a frente da realização do

evento, que terá  a  participação de  representantes

de órgãos ministeriais de 16 estados.  Ao final do

encontro, os participantes vão elaborar a  Carta de

Maceió com o objetivo de definir políticas para a área

de memória do MP Brasileiro.

 

Já no primeiro dia, os participantes farão uma visita

ao Memorial Desembargador Hélio Cabral do MPE/AL

, antes da abertura oficial do encontro, que caberá ao

procurador-geral de Justiça, Sérgio Jucá. Em seguida, o presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Ângelo Oswaldo de Araújo Santos, realizará uma palestra sobre a importância da preservação da memória brasileira no auditório Edgar Valente de Lima Filho, localizado no prédio-sede da Procuradoria Geral de Justiça, no bairro do Poço.

 

Para a curadora do memorial, promotora de Justiça Kícia Oliveira de Cabral Vasconcelos, Alagoas terá oportunidade de acompanhar um momento ímpar na dinâmica de preservação do patrimônio histórico do MP Brasileiro. “Será um marco na atuação dos memoriais em defesa da memória da instituição, já que definiremos diretrizes para área. Uma das consequências desse cuidado com a nossa história é o aumento do sentimento de pertencimento dos membros e servidores em relação ao Parquet”, disse.

 

Comissão da Memória

 

O segundo dia será marcado por uma série de atividades, a começar pelo credenciamento dos participantes no Hotel Maceió Atlantic Suítes, na Jatiúca, a partir das 7h30. O historiador Gunter Axt dará início aos debates com a análise das cartas dos encontros anteriores. Após a fala de Axt, cada MP inscrito poderá se pronunciar em colaboração com o tema.

Na sequência do evento, o procurador de Justiça Militar Clauro Roberto de Bortolli representará o membro do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), procurador Antônio Pereira Duarte, na abordagem sobre a Comissão Temporária de Preservação da Memória Institucional do Ministério Público.

 

Pela tarde, será a vez dos Ministérios Públicos Estaduais de Alagoas, Rio Grande do Sul e Maranhão apresentarem os trabalhos desenvolvidos em defesa da memória das respectivas instituições. Ainda no dia 25 de setembro, os participantes se dividirão em grupos de trabalhos temáticos, que discutirão Memória e Gestão Documental, Memória Institucional e História Oral, e Memória Institucional e Diálogo com a Comunidade.

 

Carta de Maceió

 

Na manhã do dia 26, o resultado dos debates será apresentado no terceiro e último dia de encontro, quando ocorrerá também a definição das diretrizes da Carta de Maceió e, em seguida, a leitura do documento. O encerramento do evento está previsto para as 14h45.

“Vale destacar que os memoriais oferecem à sociedade uma oportunidade de conhecer o papel desempenhado pelo órgão na defesa dos direitos coletivos e indisponíveis. Por isso, este olhar diferenciado sobre o que se produz hoje é fundamental para garantir a história amanhã”, afirmou a coordenadora do Memorial Desembargador Hélio Cabral, Gisela Pfau Albuquerque.

 

Fonte: MPE/AL

 

http://www.mp.al.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=1771:mpeal-promove-v-encontro-nacional-de-memoriais-do-ministerio-publico&catid=10:noticias-em-destaque&Itemid=6